Caderno Teológico

Blog do Missionário Andrew Comings

Religião Vê as Aparências, Jesus Vê o Interior

Esta é a segunda postagem sobre o assunto Jesus e Religião.  Ná primeira postagem lançamos uma pergunta: Porquê as pessoas mais religiosas da época não abraçaram a Jesus e seus ensinos?  Hoje queremos abordara o que eu acredito ser a primeira entre três motivos por tamanha rejeição.

Aparência X Interior

Vejam Mateus 6:1-8.  Nesta passagem Jesus critica a mania dos fariseus em fazer suas boas obras para todos os outros verem.  Deve ter sido um espetáculo ver os religiosos tocando seus trombetas antes de dar dinheiro aos pobres.  Devem ter sidos impressionantes as orações públicas.  Por não falar das caretas de sofremento na hoja do jejum.

Mas Jesus não foi iludido por nenhum desses “shows” espirituais.  Ele conhecia o interior desses homens, o que era cheio de podridão.

Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas por dentro estão cheios de ossos e de toda imundícia. Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas por dentro estais cheios de hipocrisia e de iniquidade.  Mateus 23:27-28

Por essa condenação e outras Jesus trouxe para si a ira implacavel dos fariseus.

A tendência de investir nas aparências não morreu com os fariseus.  Todas as religiões do mundo apresentam para os seus seguidores certas exigências e práticas as quais–seguidas com rigidéz–prometam bênção divina e adulação humana.  Para alguns muçulmanos, é vestir uma bomba e a estourar num ônibus cheio de gente inocente.  Para os católicos é práticar os rituais exigidos pelo Vaticano.  Pelos seguidores de Edir Macedo, é dar o dízimo. Para alumas das nossas irmãs assembleanas, é deixar de depilar as pernas.

E para alguns de nós, fundamentalistas, é usar gravata nos cultos, cantar hinos do cantor cristão, e nos separar de qualquer grupo que seja um pouco differente de nós.  E enquanto nós nos orgulhamos da nossa “espiritualidade”, Jesus vê nosso interior–cheio de orgulho, inveja, ciumes, carnalidade, materialismo, idolatria, e daí por diante.

E você? O seu exterior combina com o interior, ou, que nem os fariseus, está usando uma aparência de espiritualidade para esconder uma vida interior de podridão?

Como sempre, deixem seus questionamentos, observações, e opiniões na sessão de comentários.

Anúncios

3 Comentários»

  Débora Silva Costa wrote @

“As aparências enganam”
“Enganoso é o coração.”
Nós fundamentalistas também nos enganamos e não é pouco, não!
Só Jesus não se engana. “Eu, o SENHOR, esquadrinho o coração e provo os rins; e isto para dar a cada um segundo os seus caminhos e segundo o fruto das suas ações.” Jr 17:10

Na postagem passada, você prometeu mais 3 sobre o assunto. Estou anciosa pelo restante. Não abandone o blog, pastor! Ele é muito útil para minha edificação!

  Fruto do Espírito wrote @

Realmente muitos vivem de aparências demosnstrando ser um cristão politicamente correto.
Viver o Evangelho resume-se em renúncia, obediência , submissão e muitas vezes em humilhação, tais atitudes não fazem parte do currículo de alguns lideres e liderados que vivem (pratica) o “Evangelho” segundo as suas próprias conveniências.

Convido a visita no meu blog:

http://frutodoespirito9.blogspot.com/

Estou seguindo um blog também teológico e revelador, vale a pena conferir.

http://discipulodecristo7.blogspot.com/

***Shalom***

  Postagens Populares de Agosto, 2011 « Caderno Teológico wrote @

[…] Religião Vê as Aparências, Jesus Vê o Interior […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: